quinta-feira, 28 de março de 2013

Noiva traída será indenizada com R$25 mil por danos morais

  Ex marido e amante terão que pagar indenização de R$25 mil reais por danos morais á mulher que desconfiava que tinha sido traída no dia de seu casamento.O caso inusitado foi registrado na cidade mineira de Governado Valadares.
  Logo após a cerimônia,a  recem casada recebeu uma ligação de uma mulher informando que teria tido um relacionamento amoroso com o seu então marido.
  A técnica em enfermagem namorava desde 2007 e casou se em 2009.O marido negou a traição,mas ela achou cartas  e mensagens no celular da amante que comprovaram a relação.Após a descoberta,o marido foi morar com a amante dez dias depois do casamento,antes mesmo da separação.
  O trinbunal de Justiça  de Minas Gerais decidiu em primeira instância que o casal pagasse R$50 mil por danos morais e mais R$11 mil por despesas com o cerimonial do casamento.O ex marido recorreu alegando que ambos os noivos haviam financiado a cerimônia.
  No entanto o desembargador Antônio de Pádua,responsável pela 14ª Vara Civil do Tribunal de Justiça de Minas Gerais afirmou a configuração de dano moral.O magistrado entendeu que o valor em 1º instância para indenização foi exarcebado e o reduziu para R$25 mil.
  A decisão é definitiva,pois o prazo para o recurso venceu em 11 de março de 2013 sem que fosse apresentada qualquer petição pelas partes. Fonte: Jornal O Metro.
  Concluo esta reportagem dizendo que as pessoas estão cada vez mais amantes de si mesma.Há alguns anos atrás estava assistindo um psicílogo recomendando á quem estava assistindo que todos nós devemos e merecemos ser felizes;e que "se o casamento não dé certo,se separa e casa com outra pessoa!"Amigos, o que mais me intriga e que o mesmo sujeito ja casou mais de sete vezes.
  Estamos cada vez mais individualistas,o ser humano está mais amante de si mesmo,a bíblia mesmo já nos adiverte sobre isto no livro de I Timóteo 4.Outro dia no meu trabalho ouvi um senhor que está casado por mais de 35 anos que queria se separar de sua esposa e arrumar outra;a minha resposta foi que se ele fizesse isto só iria mudar de problema.Ela parou e ficou pensativo e me respondeu:"Cara,num é que tu tem razão,o meu irmão já se juntou trêsvezes e só ando reclamando de suas mulheres?"
  O homem vive andando "em círculos",se esquece que quando casamos, temos o dever de fazer o nosso conjuge feliz e se a recípocra tiver o mesmo objetivo,formaremos família mais saudáveis e abençodas,esquecem de que um dos maiores mandamentos é "amar o próximo como a ti mesmo".
 
Deus te abençoe.
por pastor Maciel
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário